15/01/09

A morte do artista - por Tatiana Pavliuc












Apesar da máquina não ser das melhores, lá me deixei fotografar pela nossa menina do leste =) Naquela noite, os papéis inverteram-se. Lá saí de tras da cortina e o modelo fui eu. Cansada, destruída e com má cara, estive-me basicamente nas tintas se estava bem ou não...Auto-críticas à parte, acho que até nem nos saimos muito mal. Com a nossa sala como eterno palco criativo, divertimo-nos as duas, com o vestido de boneca russa e as bolachas de limão. E com o sr cineasta sempre calado lá ao cantinho a observar. Para a próxima és tu a sair de tras da camera...;)
Tendo em consideração que nessa noite tambem caracterizei uma certa menina linda para uma curta metragem, acho que foi uma noite bem produtiva, não?

Só para rir um bocadinho, os créditos:
Fotografia: Tatiana Pavliuc
Modelo (LOL): Eu
Caracterização: Nenhuma, a não ser que queiramos considerar o vento e a neve como responsáveis pelo meu estado de "despenteamento atroz" e as duas directas dessa semana pelas olheiras à Emo. Vestido e camisola Mango, botas vintage. Quadros, Lara e Tatiana.
Luz: Lâmpada dos chineses, já quase a dar o berro.
Som ambiente: Neutral Milk Hotel, lá no fundo da minha cabeça
Máquina: huuum lol

2 comentários:

David M.F disse...

Eu? Sair de trás das cameras? Tás tola, não?
As fotos ficaram muito boas, apesar da modelo não ser grande coisa. LOL ;P
(tou a brincar, a modelo é optima)

Anónimo disse...

cute